Skip to main content

Plano de Rigging é um projeto de engenharia para dimensionamento e seleção de equipamentos, acessórios e dispositivos de movimentação de carga, fundamental para garantir a melhor solução técnica com eficiência operacional.

A palavra rigging, do inglês significa AMARRAÇÃO, este termo totalmente traduzido para o português seria plano de amarração, mas devido a erros de tradução e interpretação esta nomenclatura utilizamos o termo PLANO DE RIGGING como a definição de PROJETO DE MOVIMENTAÇÃO DE CARGA, onde este projeto na literatura NORTE AMERICANA e chamada de critical lift plan, que é exatamente o que definimos no Brasil como PLANO DE RIGGING.

Todas as operações de içamento de cargas com uso de guindastes, gruas e demais equipamentos de guindar, apresentam risco de acidentes de trabalho envolvendo máquinas e equipamentos, devem ser planejados e realizados em conformidade com os procedimentos de trabalho e segurança, conforme descrito no item 12.132 da norma regulamentadora de número 12 (NR12).

Os planejamentos das operações de movimentação de carga, devem ser realizados de modo criterioso, com todos as informações de engenharia e gestão de processos, alinhada ao conhecimento técnico e operacional dos profissionais envolvidos.

O projeto de movimentação de cargas (plano de rigging) deve conter informações suficientes para identificar o local e características do projeto, com a identificação da carga a ser movimentada, selecionar e dimensionar os acessórios e dispositivos de aparelhamento para amarração, compondo uma carga bruta de içamento. O tipo e modelo do equipamento de guindar, é uma informação importante a ser considerada no projeto, juntamente com configuração de trabalho do equipamento de guindar, que deve ser indicada no projeto. As informações de configuração influenciam diretamente na identificação da tabela de carga do equipamento, onde temos a capacidade de içamento do equipamento de guindar, que deve ser superior a carga bruta. O posicionamento do guindaste através de coordenadas topográficas, e direção com orientação de movimento a ser executada, faz parte do projeto de movimentação de cargas, bem como identificação de interferências físicas, áreas, subterrâneas, elétricas e térmicas. O projeto de movimentação de cargas deve constar também as reações de força que equipamento de guindar irá proporcionar sobre o solo, e as condições limitantes de velocidade do vento.

Estas informações têm o objetivo de identificar com antecedência e inteligência os recursos a serem utilizados na movimentação de carga, para contratação e planejamento, eliminando o desperdício de tempo com a garantia do melhor de custo-benefício.

Com o projeto de movimentação de cargas (plano de rigging), podemos identificar também os riscos e perigos envolvidos em uma atividade, podendo ser implementado programas de controles de contingência e mitigação de riscos.

O PROJETO DE MOVIMENTAÇÃO DE CARGAS (PLANO DE RIGGING) NÃO É UM DOCUMENTO DE SEGURANÇA DO TRABALHO, e sim um documento de engenharia, a segurança integrada neste projeto tem total relação com fatores de segurança e utilização, conforme normas técnicas Brasileiras da ABNT e/ou normas internacionais como a ASME e EN, atrelado a boas práticas de engenharia.

Todo o projeto de movimentação de cargas (plano de rigging), deve ser acompanhado com a emissão de uma ART (Anotação de Responsabilidade técnica) junto ao CREA (Conselho Regional de Engenharia e Agronomia)

 

O CREA, no manual de fiscalização de engenharia mecânica, estabelece que o plano de rigging é o “planejamento formalizado de uma movimentação com um ou mais equipamentos de guindar móvel ou fixo, visando à otimização dos recursos aplicados na operação (equipamentos, acessórios e outros) para se evitar acidentes, incidentes e perdas. Ele indica, por meio do estudo da carga a ser içada, das máquinas disponíveis, dos acessórios, das condições do solo, isolamento de área, ação do vento, entre outros, quais as melhores soluções para fazer um içamento seguro e eficiente”.

 

A elaboração com excelência de um projeto de movimentação de cargas (plano de rigging), deve ser realizada por profissional de engenharia, capacitado com especialidade em movimentação de carga (Rigger – Projetista de Movimentação de Cargas), com padrões de alta qualidade e visão de segurança de engenharia, para agregar valor de segurança.

Leave a Reply